Você está aqui: Página Inicial / Evento / Extensão

Evento / Extensão

ANAIS DE RESUMOS EXPANDIDOS DA IV JORNADA NACIONAL ARQUITETURA, TEATRO E CULTURA - 2018


Ver - Anais de Resumos Expandidos

IV JORNADA NACIONAL ARQUITETURA, TEATRO E CULTURA - 22 a 23/08/2018

O Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana em conjunto com o Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas realizará a IV Jornada Nacional Arquitetura, Teatro e Cultura: Espaço Teatral e Memória Urbana – nos dias 22 a 23 de agosto de 2018, na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

 

____________________________________________________

THIRD INTERNATIONAL CONFERENCE ON ARCHITECTURE, THEATRE AND CULTURE. Realizado na Unirio de 17 a 21 de julho 2017.

O Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana e o Programa de Pós Graduação em Artes cênicas realizaram o "Third International Conference on Architecture Theatre and Culture", de 17 a 21 de julho de 2017, com 7 conferências, 10 Mesas Redondas, Sessões Paralelas, Exposição de Pôsteres, a "Theatre Architecture Exhibition from the Renaissance to the 21rst Century", o lançamento do documentário "Arquitetura teatral no Estado do Rio de Janeiro", entre outras atividades envolvendo pesquisadores nacionais e internacionais de todos os níveis acadêmicos.

O vídeo abaixo é uma compilação dessa semana de intensas e produtivas atividades, resultante de meses de preparação, elaboração e divulgação pela equipe do Laboratório. A realização do Colóquio tem como objetivo estabelecer interlocuções sobre questões relativas às atividades em Artes Cênicas e Arquitetura em âmbito nacional e internacional, em especial aquelas que envolvem questões de espaço, cidade e memória. Portanto, faz parte de outra vertente do trabalho do Laboratório, que propõe-se a promover a internacionalização da Universidade por meio de projetos desenvolvidos em parceria com instituições estrangeiras.

Ver - Conferências.

____________________________________________________

THIRD INTERNATIONAL CONFERENCE ON ARCHITECTURE, THEATRE AND CULTURE (17-21 JULY, 2017)

(©2017, Arte de Milena Fernandes)

O Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana em conjunto com o Programa de Pós Graduação em Artes Cênicas realizou a III Conferência Internacional sobre Arquitetura, Teatro e Cultura: Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana – Third International Conference on Architecture, Theatre and Culture nos dias 17, 18, 19, 20 e 21 de agosto de 2017, na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (http://www.arquiteturateatroecultura.wordpress.com). O objetivo do evento foi proporcionar aos pesquisadores de diferentes instituições de ensino e pesquisa amplos debates sobre os três eixos disciplinares com o voltados para as Artes Cênicas: a Arquitetura teatral, o Teatro (a cenografia e a cena teatral) e a Cultura (História Cultural, História da Arquitetura Teatral e História Urbana).

O evento constou de 7 conferências, sendo 5 de renomados pesquisadores internacionais, 10 Mesas Redondas, 40 comunicaçõesrais previamente selecionadas pelo Comitê Científico, 21 pôsteres, entre 10:00 e 21:00 longo dos cinco dias, incluindo atividades de extensão como lançamento de livros e a exibição da Second Exhibition on Theatre Architecture - From Renaissance to Contemporaneity. O Congresso foi uma excelente oportunidade para que os alunos e profissionais interagissem com os diversos profissionais do País e do Exterior que atuam nas interseções das área de conhecimento da pesquisa, ampliando a possibilidade de estágios nos Laboratórios de outras universidades no Brasil e no exterior.

O objetivo maior foi incentivar o aprimoramento das atividades de pesquisa, ensino e extensão, entre acadêmicos, professores, pesquisadores, bem como membros da comunidade em geral. No cerne do debate esteve a questão da discussão da arquitetura teatral, das relações entre o teatro e a cidade, do patrimônio cultural bem como as formas de expressão contemporâneas das possíveis adaptações de espaços alternativos para a experiência teatral.

No primeiro dia, além da Conferência Magistral, a exibição do documentário e a abertura da exposição sobre arquitetura teatral, ocorreu o lançamento de livros. Houve performances na 5ª feira à noite e visitação de alunos de escolas próximas com explicações sobre o que é um edifício teatral, com monitoria de bolsistas I/C, em várias tardes. No último dia do Congresso, dia 21 de julho, realizou-se a reunião do Comitê Científico para avaliar as inovações e contribuições introduzidas pelos pesquisadores nacionais e internacionais que investigam os três temas da Conferência, sendo produzida uma Ata com uma análise circunstanciada do estado da arte nos três campos de pesquisa.

Considerando que o enfoque da Third International Conference on Architecture, Theatre and Culture foi primordialmente discutir a arquitetura teatral e os espaços teatrais modernos e contemporâneos, foram convidados para discutir as relações entre a arquitetura, a cenografia, a dramaturgia e a história cultural dos séculos XX e XXI, professores de reconhecido mérito internacional de grandes instituições estrangeiras. Um dos keynote speakers foi Professor PhD Marvin Carlson da City University of New York, com livros também traduzidos em várias línguas, pesquisador incansável das relações entre a cidade e o teatro, publicado no Brasil pela UFMG. Consideramos uma grande honra o Professor Carlson ter aceito o convite para fazer a conferência magistral do Congresso Internacional, partilhar com a audiência suas pesquisas e conhecimento e participar do Comitê Científico, opinando sobre os papers submetidos.

Outra conferencista eminente foi a renomada estudiosa da arquitetura teatral Professora PhD Juliet Rufford, da Universidade de Exeter, autora, entre outros, do livro Theatre and Architecture e coordenadora do Theatre Architecture Working Group do Internacional Federation of Theatre Reseach. A Dra Rufford discutiu em sua conferência as experiências de vários países para criar espaços teatrais criativos que incluam as comunidades em suas performances. Participou também como Keynote Speaker a Professora PhD Dorita Hannah, da University of Tasmania, também autora de inúmeras obras de arquitetura teatral e desenho da cena e uma das mais conhecidas estudiosas da arquitetura dedicada às artes performáticas, que proferiu interessante conferência sobre a arquitetura teatral que teria decorrido das indagações de Nietzsche sobre o tema.

Para melhor compreender as relações entre os edifícios teatrais do início do século XX e as questões da iluminação cênica, convidamos a Professora Doutora Cristina Grazioli, da Università Degli Studi di Padova, com a qual temos um Acordo de Cooperação Internacional, que proferiu uma conferência com uma recente descoberta sobre a modernização da arquitetura teatral nas primeiras décadas do século XX.

Ainda sobre as relações entre o espaço e teatro, o Professor Doutor Helder Maia da ESMAE do Porto dissertou sobre recentes experiências performáticas sob a ótica da geografia e da antropologia cultural. Em síntese, os cinco pesquisadores estrangeiros, tendo dois integrado a Comissão Científica, garantiram o nível de excelência desta terceira edição do Congresso.

Cabe ressaltar que a conferência do arquiteto e Professor João Calafate sobre cinco teatros readaptados no Rio de Janeiro e a conferência do cenógrafo e Professor Helio Eichbauer contaram também com o auditório repleto e contribuíram para a discussão de inúmeros questionamentos teóricos e práticos que entusiasmaram a plateia.

Para documentar o evento, foram publicados em versão impressa o Book of Abstracts / Caderno de Resumos Expandidos do Terceiro Colóquio Internacional Arquitetura, Teatro e Cultura (ISSN 2178-2539) e o Book of the Exhibition em versão bilíngue Português-Inglês, além dos Anais dos textos completos em DVDs, tendo os três registros sido organizados pelas Professoras Evelyn Furquim Werneck Lima e Niuxa Dias Drago.

A Mesa de Abertura no dia 17 de julho contou com a presença do Prof. Ricardo Cardoso (Vice-Reitor da UNIRIO), que abriu os trabalhos, a Profa. Ana Bulhões (representando o Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da UNIRIO), a Profa. Evelyn Orrico (Pró-Reitora de Pós-Graduação e Pesquisa) e Profa Evelyn F.W. Lima (coordenadora do III Colóquio Internacional), que fez uma breve apresentação, agradecendo a presença de todos, aos órgãos que patrocinaram o evento e à equipe do Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana, antes de dirigir-se em inglês aos conferencistas e aos muitos participantes internacionais.

Mesa de Abertura do Third International Conference on Architecture, Theatre and Culture. (©2017, Foto de Sara Maranhão)

 

Representando o PPGAC, a Profa. Ana Bulhões, O Vice-Reitor Prof. Ricardo Cardoso (UNIRIO), a Pró-Reitora de Pós Graduação e Pesquisa, Profa. Evelyn Orrico (PROPG) e a Profa. Evelyn Lima (LEG T5). (©2017, Foto de Sara Maranhão).

Após a cerimônia de abertura, foi exibido o documentário Arquitetura Teatral Contemporânea no Estado do Rio de Janeiro, vencedor do Edital Patrocínio Cultural do Conselho de Arquitetura e Urbanismo CAU /RJ, com direção geral da Profa Evelyn F.W. Lima, versando sobre um dos produtos da pesquisa institucional desenvolvida no Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana-LEG T5. Uma cópia do documentário em DVD foi distribuída entre os conferencista e palestrantes participantes do Third International Conference on Architecture, Theatre and Culture.

 

Ver - Documentário (©2017, Arte de Milena Fernandes)

Em seguida o convidado internacional Prof Marvin Carlson da City of New York University, um dos maiores estudiosos da arquitetura teatral, proferiu a Conferência Magistral, seguida de debates.

 

Conferência Magistral Prof. Marvin Carlson (©2017, Fotos de Sara Maranhão)

Ainda na noite da abertura do Colóquio, no Espaço Cultural do Centro de Ciências Sociais, foi inaugurada- a Second International Exhibition on Theatre Architecture, exposição bilíngue que atraiu todos os participantes para apreciarem a evolução da arquitetura teatral por meio de maquetes, mapas, plantas e fotografias dispostos no amplo salão.

 

Noite da abertura da Exposição(©2017, Fotos de Sara Maranhão)

 

Recepção no saguão do Salão da Exposição (©2017, Foto de Sara Maranhão)

 

As pesquisadoras Claudia Seldin e Andrea Borde autografaram seus livros.(©2017, Foto de LEG T-5)

 

Claudia Seldin autografando seu livro. (©2017, Foto de LEG T-5)

 

O público prestigiou o lançamento após a palestra do Professor Marvin Carlson(©2017, Foto de LEG T-5)

As demais conferências tiveram também grande afluência de público, interessado em conhecer pesquisas da Inglaterra, Nova Zelândia, Itália, Portugal e do Brasil.

 

Conferência da Professora Juliet Rufford da Universidade de Exeter (©2017, Fotos de Sara Maranhão)

 

Conferência da Profa. Dorita Hannah da Universidade da Tasmânia (©2017, Fotos de Sara Maranhão)

 

Conferência da Profa. Cristina Grazioli(©2017, Foto de Luana Prado)

 

Conferência Prof. Helder Maia da ESMAE do Politécnico do Porto (©2017, Foto de Luana Prado)

 

Conferência do Arquiteto João Calafate da Fábrica Arquitetura e Universidade Santa Úrsula. (©2017, Foto de Sara Maranhão)

 

Conferência do cenógrafo e professor Helio Eichbauer da Escola de Artes Visuais (©2017, Foto de Sara Maranhão)

Além do sucesso das Conferências, as dez Mesas Redondas – que também foram apresentadas no auditório magno do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas da Unirio, foram também muito concorridas, em especial a Mesa “Architecture and Theatre I “, da qual participaram colegas ilustres, como a Professora Cristiane Duarte que foi a mediadora, a Professora Andrea Borde, a Professora Niuxa Drago e a Professora Evelyn Lima, entre outros que palestraram no Congresso.

 

Mesa Redonda Architecture and Theatre I, da direita para a esquerda, Profa. Andrea Borde (PROURB), Profa. Niuxa Drago (FAU-UFRJ), Profa Cristiane Duarte (PROARQ) e Profa. Evelyn Lima (Unirio/LEG T5). (©2017, Foto de Sara Maranhão)

 

A Mesa Redonda Architecture and Theatre II contou com a profa Laura Figueiredo ( Artes/UFRN), com a Profa Maria Cristina Cabral (PROURB/UFRJ), a Profa Fabíola Zonno (FAU/UFRJ) e com a mediação da Profa Evelyn Lima (Unirio). (©2017, Fotos de Sara Maranhão)

 

Mesa Redonda Architecture and Set Design. Da direita para a esquerda, Prof. Luiz Henrique (Unirio/Diretor da Escola de Teatro), Prof. Gilson Motta (UFRJ), Profa. Doris Rollenberg (Unirio) como mediadora e Prof. Cristiano Cesarino (UFMG).(©2017, Fotos de Sara Maranhão)

 

A Mesa Redonda Culture and Theatre I com os professores Ramon Aguiar (UEMG), o Prof. Claudio Guilarduci (UFSJ), a Profa. Vanessa Oliveira (Unirio - mediadora) e a Profa. Carolina Paiva (UERJ) (©2017, Foto de Sara Maranhão)

 

A Mesa Redonda Culture and Theatre II com os professores Ramon Aguiar (UEMG), o Prof. Claudio Guilarduci (UFSJ), a Profa Vanessa Oliveira (Unirio - mediadora) e a Profa Carolina Paiva (UERJ).(©2017, Foto de Sara Maranhão)

 

Todas as Mesas Redondas lotaram o Auditório Técio Pacitti do Centro de Ciências Exatas(©2017, Foto de Sara Maranhão)

 

A Mesa Redonda Theatre and Society I com os professores Alessanda Vannucci (UFRJ), a Profa. Angela Reis (Unirio), a Profa Ana Bulhões (Unirio - mediadora) e o Prof. Andre Carreira (UDESC).(©2017, Foto de Sara Maranhão)

 

A Mesa Redonda Culture and Theatre III com o Prof. Leonardo Mesentier (UFF/IPHAN), a Profa. Angela Reis (Unirio) como mediadora, o Prof. André Gardel (Unirio) e o Prof. Fernando Mencarelli (CUNY University).(©2017, Foto de Sara Maranhão)

 

As sessões paralelas – nas quais foram apresentadas as comunicações previamente selecionadas pelo Comitê Científico, também tiveram grande audiência. ©2017, Fotos de Sara Maranhão)

Muito concorrida foi a Exposição de Pôsteres que reuniu grande plateia para ouvir arquitetos, cenógrafos e graduandos que defenderam seus trabalhos de pesquisa nas três áreas do Colóquio, em grande hall ao lado do Auditório Técio Pacini do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas.

 

Bolsistas de Iniciação científica de várias universidades, arquitetos e cenógrafos apresentaram suas pesquisas mais recentes no Hall de Pôsteres.(©2017, Fotos de Sara Maranhão)

____________________________________________________

SECOND INTERNATIONAL EXHIBITION ON THEATRE ARCHITECTURE FROM RENAISSANCE TO CONTEMPORANEITY

A segunda versão da exposição bilíngue sobre Arquitetura Teatral do Renascimento até a Contemporaneidade ampliou muito o escopo daquela realizada em 2012, visto que foram acrescidas as investigações e maquetes de inúmeros teatros dos séculos XX e XXI - empreendida desde 2014 - decorrentes da 7ª etapa da pesquisa Estudos do Espaço Teatral, cadastrada no CNPq, desenvolvida desde 2014 pelo Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana - LEG T5.

Os verbetes e os estudos sobre os teatros acrescidos foram exibidos em novos painéis revelando espaços inusitados, englobando exemplos europeus recentes (Ópera Bastille e The Shed), mas também, em especial, teatros fluminenses do século XXI, com destaque para dois teatros projetados por Oscar Niemeyer (Raul Cortez e Popular de Niterói), o teatro do SESC Jacarepaguá, o teatro Imperator e o flexível teatro Tom Jobim.

A exposição bilíngue, com curadoria da Profa. Evelyn Furquim Werneck Lima, foi montada no Espaço Cultural do Centro de Ciências Humanas da Unirio e atraiu grande quantidade de visitantes interessados na apreciação das maquetes elaboradas pelos pesquisadores do Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana- LEG T5. Os verbetes foram retirados de artigos e livros publicados pela curadora em épocas distintas e traduzidos também para o inglês, fato que permitiu que os muitos participantes estrangeiros também usufruíssem das pesquisas.

 

Vista do setor de teatros projetados nos séculos XX e XXI. (©2017, Foto de Francisco Leocádio)

Vista do setor de teatros edificados no séculos XVI e XVII.(©2017, Foto de Francisco Leocádio)

 

Vista do setor de teatros edificados entre o século XVI e XVIII, e a maquete final de um teatro polivalente.(©2017, Foto de Francisco Leocádio)

 

Recanto Lina Bo Bardi com cinco painéis e duas maquetes da arquiteta.(©2017, Foto de Francisco Leocádio)

 

Vista geral da Exposição após a montagem.(©2017, Foto de Francisco Leocádio)

A visitação foi bastante intensa nos dias do Congresso e acabou motivando um convite irrecusável ao Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana- LEG T5: levar a Exposição para percorrer doze universidades brasileiras, de norte a sul do País, contribuindo para a divulgação da História da arquitetura teatral do Renascimento à Contemporaneidade e do projeto apoiado pelo CNPq desde 2003.

 

Visitantes apreciam a Exposição. Muitos deixaram mensagens no Livro de Registro.(©2017, Fotos de Sara Maranhão)

Além dos conferencistas, palestrantes e participantes em geral, foram oferecidas visitas guiadas na Exposição a alunos de escolas de ensino fundamental que, apesar do período de férias, foram bastante incentivadas. As crianças interagiram bem com as maquetes e ouviram sobre o que é teatro e os locais de representação ao longo dos séculos. .

 

As crianças ficaram fascinadas pelas maquetes externas como a da Casa de Ópera de Vila Rica, atual Teatro Municipal de Ouro Preto.(©2017, Fotos de Carolyna Lyra)

 _________________________________________________________

TEATRO TEMPORÁRIO AO AR LIVRE - JARDINS DO CLA

O teatro Temporário ao ar livre do Centro de Letras e Artes da UNIRIO, foi projetado pelos arquitetos e cenógrafos do Laboratório do Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana - LEGT-5 em novembro e dezembro de 2016, como site-specific.

 

Teatro Temporário - Planta geral.(©2016)

 

Teatro Temporário - Planta detalhada(©2016)

 

Teatro Temporário - elevações e cortes(©2016)

 

Teatro Temporário - Perspectica 1(©2016)

 

Teatro Temporário - Perspectiva 2(©2016)

 

Teatro Temporário - contruído 1(©2016)

 

Teatro Temporário - contruído 2(©2016)

 _________________________________________________________

A TEMPESTADE - Arquitetura, Cenografia, Figurino, Filmagem e Sonoplastia.

Durante o evento do 400º aniversário da morte de Shakespeare, a equipe do Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana - LEGT-5 montou fragmentos da cena de A tempestade no Teatro Temporário ao ar livre no Jardim do CLA.

Ver - Fragmentos de A Tempestade.


 _________________________________________________________

SEMINÁRIO LUOGUI E SPAZI DEL TEATRO MODERNO E CONTEMPORANEO TRA ITALIA E BRASILE - 2016

Ao longo do mês de abril de 2016, a coordenadora do Laboratório Profa Dra Evelyn Furquim Werneck Lima ministrou quatro palestras na Università Degli Studi di Padova e uma conferência na Fondazione Cini, em Veneza como professora visitante, além de aprofundar as pesquisas sobre a arquitetura teatral da região do Vêneto, em especial as obras de Andrea Palladio, conforme o programa elaborado pela curadora Professora Cristina Grazioli, do Departimenti dei Beni Culturali de Padova.

 _________________________________________________________

III JORNADA NACIONAL ARQUITETURA, TEATRO E CULTURA -
26 a 28 de agosto de 2015

 

 _________________________________________________________

ANAIS DE RESUMOS EXPANDIDOS DA III JORNADA NACIONAL ARQUITETURA, TEATRO E CULTURA

Ver - Anais de Resumos Expandidos

O evento, já tradicional na Unirio, constou de 4 conferências e 6 mesas redondas compostas por teóricos e práticos das três áreas, abrangendo um público eclético que se dedica às artes cênicas, à arquitetura e à cultura, estendendo-se também ao cinema e às artes visuais. Além das apresentações de palestras e vídeos, integraram ainda a Jornada: uma exposição de desenhos intitulada "Praga em Cena no traço de Francisco Leocádio", uma performance dirigida por Raphael Perrone, o lançamento dos livros Teatros do Rio de José Dias, Almas selvagens de André Gardel e A cenografia de Santa Rosa de Niuxa Drago e uma visita técnica ao Teatro Raul Cortez em Duque de Caxias, projetado por Niemeyer. No dia 28 de agosto ocorreu a reunião dos Grupos de Pesquisa do CNPq para avaliar as inovações e contribuições introduzidas pelos pesquisadores ou práticos que investigam os três temas da Jornada. Foram convidados para discutir as relações entre a arquitetura, a cenografia, a dramaturgia e a história cultural, profissionais de reconhecido mérito nas artes Cênicas: Walter Lima Torres, diretor teatral e professor da Universidade Federal do Paraná, o cenógrafo e diretor de arte José Dias, o teórico do teatro Edelcio Mostaço, professor da UDESC, e o cenógrafo e figurinista Colmar Diniz, além de outros pesquisadores e técnicos que discutiram suas práticas com a plateia, como a artista e arquiteta alemã Gabi Schillig, ora no Brasil, fazendo residência no Largo das Artes, que discutiu sua prática com o público.

 
Mesa de abertura
 


Mesa Redonda Arquitetura e Teatro

 

Conferência do Prof. Edélcio Mostaço

 

Conferência do cenógrafo Colmar Diniz

 

Conferência do Prof. Walter Lima Torres

 

Conferência da artista Gabi Schilling

 

Mesa Redonda A Cidade e as Artes Cênicas

  
Mesa Redonda A Cidade e as Artes Cênicas

 _________________________________________________________

EXPOSIÇÃO "PRAGA EM CENA" - DESENHOS DE FRANCISCO LEOCÁDIO
Curadoria: Evelyn Furquim Werneck Lima - 26 a 28 de agosto de 2015

Praga é uma cidade que inspira magia e mistério....

Pontificando ao alto, o Castelo, crivado de arquiteturas diversas que datam desde o medievo, estende-se à margem do rio. Pontes românticas, esculturas, praças e largos, igrejas e palacetes barrocos...

Francisco Leocádio, arquiteto, cenógrafo e expositor de projeto naquele evento internacional, capturou momentos do cotidiano e de trabalho, durante a Quadrienal de Praga 2015, que com altruísmo partilha com o público nestes croquis.

Seu traço firme e eloquente traduz a riqueza da cidade e do evento internacional dedicado ao Desenho da Cena e da Performance.

Os módulos aqui apresentados revelam o percurso do autor, dando a ver a arquitetura, a cidade, as exibições dos países, as contribuições dos estudantes, as performances, os workshops e as experimentações mais recentes das artes cênicas.

  

 

 

 _________________________________________________________

QUADRIENAL DE PRAGA 2015 - QUATRO PESQUISADORES DO LABORATÓRIO DE ESTUDOS DO ESPAÇO TEATRAL E MEMÓRIA URBANA APRESENTAM SEUS TRABALHOS

A professora Evelyn F.W. Lima apresentou o trabalho Factory, Street and Theatre: Two works by Lina Bo Bardi, no Palácio Clam Gallas, integrando o evento Shared Space, no qual pesquisadores de Teatro e Arquitetura discutiram as interrelações entre as duas disciplinas.

  

Os pesquisadores Joana Lavalle e Francisco Leocádio – selecionados pela Comissão Nacional para representar a Unirio na Quadrienal de Praga - exibiram seu trabalho “Come to the Viaduct”- orientado pela professora Evelyn F.W.Lima, no Palácio Kafka.

  

A pesquisadora Regilan Pereira apresentou com grande sucesso o trabalho Litany no evento Tribes da Quadrienal de Praga mostrando seu processo de desenvolvimento de figurinos.

 

 _________________________________________________________

CONFERÊNCIA DO CENÓGRAFO E PROFESSOR HELIO EISHBAUER - 26/09/2014

 

 _________________________________________________________

CONGRESSO "A MULHER E A CIÊNCIA - DESAFIOS E CONQUISTAS" - 13 e 14 de agosto de 2014

Após proferir a conferência "Entre os estudos da cidade e os espaços da arquitetura teatral: uma pesquisa no campo das ciências sociais aplicadas", no Congresso A Mulher e a Ciência : desafios e conquistas, a professora doutora Evelyn Furquim Werneck Lima recebeu uma placa de prata como homenagem pela relevante contribuição à Ciência no Estado do Rio de Janeiro.

 _________________________________________________________

2ª JORNADA NACIONAL ARQUITETURA, TEATRO E CULTURA - 19 e 20/08/2014

Ver - Resumos da 2ª Jornada Nacional Arquitetura, Teatro e Cultura - 2013.

O Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana em conjunto com o Programa de Pós Graduação em Artes Cênicas realizou a II Jornada Nacional sobre Arquitetura, Teatro e Cultura: Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana nos dias 19 e 20 de agosto de 2014, na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. O evento constou de 4 conferências – sendo duas internacionais, 6 mesas redondas e atividades de extensão como lançamento de livros e apresentação de performances. No dia 21 de agosto ocorreu a visita técnica ao Teatro Popular de Niterói e à Exposição sobre Performance no Museu de Arte Contemporânea , na parte da manhã, bem como a reunião do GP do CNPq para avaliar as inovações e contribuições introduzidas pelos pesquisadores nacionais e internacionais que investigam os três temas da Jornada

A II Jornada comemorou também os 20 anos de um dos projetos institucionais intitulado "Estudos do Espaço Teatral", - coordenado desde 1994 pela Profa Dra Evelyn Furquim Werneck Lima-, e pretendeu incentivar o aprimoramento das atividades de pesquisa, ensino e extensão, entre acadêmicos, professores, pesquisadores, bem como membros da comunidade em geral. No cerne do debate esteve a questão da discussão da arquitetura teatral, das relações entre o teatro e a cidade, da conservação do patrimônio cultural brasileiro, bem como as formas de expressão contemporâneas das possíveis adaptações de espaços alternativos para a experiência teatral.

O evento lotou o auditório do Centro de Letras e Artes e foi uma excelente oportunidade para que os alunos e profissionais interagissem com os diversos pesquisadores do País e do Exterior que atuam nas interseções das áreas de conhecimento abrangidas pela pesquisa apoiada pelo CNPq.

Considerando que o enfoque da II Jornada Nacional sobre Arquitetura, Teatro e Cultura: Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana foi primordialmente discutir a arquitetura teatral e os espaços alternativos, foram convidados para discutir as relações entre a arquitetura, a cenografia, a dramaturgia e a história cultural, professores de reconhecido mérito de grandes instituições europeias e americanas. A Professora Dorita Hannah (PhD) da Aalto University, da Finlândia, a Professora Beth Weinstein da Universidade do Arizona, o renomado cenógrafo e professor Helio Eichbauer da EAV e o professor Dr Andre Carreira da UDESC partilharam com a audiência suas pesquisas e conhecimento. Outros palestrantes, vinculados a diversas instituições federais de ensino discutiram suas pesquisas recentes com a plateia.

A recente produção acadêmica no âmbito europeu sobre a arquitetura teatral tem conferido novos significados e possibilidades à encenação em espaços construídos ou reformados para receber grandes contingentes de público. Vários pesquisadores discutiram a dinâmica de conformação destes espaços que se moldaram a par e passo com suas cidades.

 

Mesa de Abertura com o Vice-Reitor, Decana, Coordenadora da Pós-Graduação e Coordenadora do LEG-T5

 

O auditório esteve lotado durante toda a jornada.

 

Conferencia de Dorita Hannah da Aalto University de Helsinki

 

A conferência de Eichbauer sobre os coretos do Rio de Janeiro

 

A mesa redonda Artes Cênicas x Artes Visuais

 

A sessão do lançamento de livros no primeiro dia da Jornada

 _________________________________________________________

EXPOSIÇÃO "TRINTA PORTAS IMAGINÁRIAS PARA SÃO JOÃO DEL REY" - 19 e 20 de AGOSTO de 2014

O prof. Dr. Cláudio Guilarduci, pesquisador da Universidade Federal de São João del- Rei (UFSJ) e associado ao Grupo de Pesquisas Espaço e Memória Urbana do CNPq, sediado no Laboratório Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana da Unirio fez a curadoria da Exposicão "30 portas imaginárias para São João del-Rei", durante a II Jornada Nacional Arquitetura Teatro e Cultura. A exposição é resultado da pesquisa “História e Memória Cultural: o valor das Belas-Artes em São João del-Rei” desenvolvida pelo professor no Programa de Mestrado em Letras da UFSJ. O objetivo desse projeto é compreender, a partir da História Cultural, o valor dado pelos são-joanenses aos objetos artísticos, entre bens móveis e imóveis, tombados no final da década de 30 do século passado. Portas Imaginárias para São João del-Rei é uma série de 30 imagens do pensamento e 30 desenhos (nanquim e tinta) – produzidos pelas alunas da UFSJ Janaína Braga Trindade, graduanda de Teatro, e Isis Bey Trindade, aluna de Artes Aplicadas – que buscou refletir sobre esses objetos urbanos tombados e as possíveis imagens que eles podem representar para a população da cidade. Para a elaboração da série a pesquisa tomou por base algumas reflexões realizadas por Walter Benjamin em suas discussões sobre a cidade de Paris, principalmente os seguintes conceitos: História, Memória, Narrativa e Experiência, e de seus textos o mais utilizado foi o Passagens (2006). Para compreensão desse conjunto de citações também foram utilizados os textos Eduard Fuchs, colecionador e historiador (1937), O Narrador (1936) A obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica (1ª versão, 1935/1935), Experiência e Pobreza (1933), e a parte central do texto Charles Baudelaire um lírico no auge do capitalismo, composta dos textos A Bohème, O Flâneur e A Modernidade (1939). A cenografia e a iluminação da Exposição ficaram a cargo da equipe de cenógrafos e arquitetos do Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana, capitaneada pelo arquiteto e cenógrafo Francisco Leocádio, mestrando em artes cênicas, com o suporte dos cenotécnicos da Unirio e apoio do CNPq.

 _________________________________________________________

1ª JORNADA NACIONAL ARQUITETURA, TEATRO E CULTURA - 17 e 18/09/2013

Ver - Resumos da 1ª Jornada Nacional Arquitetura, Teatro e Cultura - 2013.

_________________________________________________________

THEATRE ARCHITECTURE EXHIBITION, FROM RENAISSANCE TO CONTEMPORARY - 27 a 31/08/2012

A Exposição de Arquitetura Teatral do Século XVII à Contemporaneidade - Theatre Architecture Exhibition - From Renaissance to Contemporary - constou da exibição de desenhos, plantas, cortes, mapas e principalmente das maquetes elaboradas pela equipe do Laboratorio de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana.

 

 

 

O historiador francês Roger Chartier aprecia o fantoche representativo do teatro setecentista em Portugal

_________________________________________________________

SECOND INTERNATIONAL CONFERENCE ON ARCHITECTURE THEATRE AND CULTURE - 27 a 31/08/2012

Ver - CONFERÊNCIAS E PALESTRAS

O Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana em conjunto com o Programa de Pós Graduação em Artes Cênicas realizou a II Conferência Internacional sobre Arquitetura, Teatro e Cultura: Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana – Second International Conference on Architecture, Theatre and Culture foi realizada nos dias 27, 28, 29, 30 e 31 de agosto de 2011, na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (http://www.arquiteturateatroecultura.wordpress.com). O evento constou de conferências, mesas redondas e comunicações ao longo dos dias e atividades de extensão como lançamento de livros e exposição sobre arquitetura teatral. No dia 31 de agosto realizou-se a reunião do Comitê Científico para avaliar as inovações e contribuições introduzidas pelos pesquisadores nacionais e internacionais que investigam os três temas da Conferência.

O objetivo foi incentivar o aprimoramento das atividades de pesquisa, ensino e extensão, entre acadêmicos, professores, pesquisadores, bem como membros da comunidade em geral. No cerne do debate esteve a questão da discussão da arquitetura teatral, das relações entre o teatro e a cidade, do patrimônio cultural bem como as formas de expressão contemporâneas das possíveis adaptações de espaços alternativos para a experiência teatral.

O evento incluiu as discussões sobre os três temas por meio de conferências internacionais palestras, mesas-redondas, sessões de comunicações e debates, além da apresentação de trabalhos (pôster/painel). O Congresso foi uma excelente oportunidade para que os alunos e profissionais interagissem com os diversos profissionais do País e do Exterior que atuam nas interseções das área de conhecimento da pesquisa.

Considerando que o enfoque do Second International Conference on Architecture, Theatre and Culture foi primordialmente discutir a arquitetura teatral e os espaços teatrais seiscentistas em Londres, Madri, Paris e Lisboa, foram convidados para discutir as relações entre a arquitetura, a cenografia, a dramaturgia e a história cultural do século XVII, professores de reconhecido mérito internacional de grandes instituições européias e americanas. O Professor Doutor Roger Chartier, catedrático do Collège de France onde ocupa a cátedra que foi de Michel Foucault, aceitou fazer a conferência de abertura do Congresso Internacional e partilhar com a audiência suas pesquisas e conhecimento. Também proporcionou aos participantes uma leitura dramatizada de seu último livro sobre um tema dos seiscentos.

Outro conferencista eminente foi o renomado estudioso da arquitetura teatral Professor PHD Marvin Carlson da City University of New York, com livros também traduzidos em várias línguas, pesquisador incansável das relações entre a cidade e o teatro, recentemente publicado pela UFMG. Consideramos uma grande honra o Professor Carlson ter aceito o convite para fazer uma conferência e participar do Comitê Científico.

A recente produção acadêmica no âmbito europeu sobre a arquitetura teatral da primeira modernidade (1580-1680) – em especial na Inglaterra, Espanha e França – tem conferido novos significados e possibilidades à encenação em espaços construídos ou reformados para receber grandes contingentes de público. Foram expostas conferências discutindo edifícios teatrais da Europa do século XVII, suas diferentes formas, bem como a dinâmica de conformação destes espaços que se moldaram a par e passo com suas cidades.

O Professor PHD Franklin Hildy, diretor do curso de Artes Cênicas da Universidade de Maryland e um dos mais conhecidos estudiosos da arquitetura dedicada às artes performáticas, tendo participado como consultor da reconstrução de um importante edifício elisabetano: o The Shakespearean Globe de Londres, pronunciou interessante conferência sobre a discussões que precederam a reconstrução do referido teatrao na Londres contemporânea.

Para melhor compreender as relações entre os edifícios teatrais franceses e obra de Molière, o Professor Doutor Georges Forestier, um dos maiores especialistas sobre a dramaturgia seiscentista na França, editor da Biblioteca da Pléiade e diretor de Centro de Literatura dos séculos XVII e XVIII na Université de la Sorbonne I, expôs uma recente descoberta sobre a arquitetura teatral modificando a escrita de uma peça de Molière.

Ainda sobre as relações entre o espaço e as obras dramatúrgicas, mas já no campo das adaptações televisivas contemporâneas das peças do século XVII, a Professora Doutora Evelyne Cohen, da Université de Lyon, realizou confênciauma sobre a difusão cultural recente das variadas arquiteturas cênicas utilizadas por Molière, sob a ótica da antropologia cultural.

cinco pesquisadores estrangeiros que integrarão a Comissão Científica, garantindo o nível de excelência desta segunda edição do Congresso.

A professora PHD Jan Clarke da Durham University pesquisadora inglesa mundialmente conhecida pelas análises da arquitetura seiscentista na França com livros que são referências para os estudiosos da área revelou em sua conferência a descoberta de um esboço que elucida alguns aspectos arquiteturais do antigo teatro do Hotel Guénégaud, berço da Comédie Française.

O professor PHD Wolfgang Bock último conferencista do evento- apresentou uma erudita análise de Hamlet à luz das análises de Walter Benjamin, tendo provocado um rico debate na audiência.
Para documentar o evento, foi publicado o Book of Abstracts / Caderno de Resumos Expandidos do Segundo Colóquio Internacional Arquitetura, Teatro e Cultura (ISSN 2178-2539) em versão bilíngue Português-Inglês.

Conferência Magistral do Prof. Roger Chartier

 

Palestra do Prof. Marvin Carlson

 

Palestra da Profa. Jan Clarke

 

Palestra da Profa. Evelyne Cohen

 

Prof. Franklin Hildy

 

Sala das Sessões paralelas

 

Mesa de abertura: Prof. Paulo Merísio (coordenador do Programa de Pós-Graduaçõa em Artes Cênicas da UNIRIO), Prof. Luiz Pedro S. Gil Jutuca (Reitor da UNIRIO), Profa. Evelyn Lima (coordenadora do Colóquio) e Prof. José Da Costa (Vice-Reitor da UNIRIO)

 

Além do sucesso das Sessões Paralelas, as Mesas Redondas, que ocorreram no auditório magno do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas da Unirio foram também muito concorridas, em especial a Mesa “Architecture and Set Design II “, da qual participaram colegas ilustres, como o Professor José Dias, a Professora Lidia Kosovski, a Professora Angela Leite Lopes e o Professor Gilson Motta, com a mediação da cenógrafa e professora Doris Rollemberg, entre outros que palestraram no Congresso.

 _________________________________________________________

V SEMINÁRIO NACIONAL ARQUITETURA TEATRO E CULTURA - 17 e 18/11/2011

O seminário, realizado no Auditório do CCET da UNIRIO, teve a participação de diversos acadêmicos brasileiros, apresentando comunicações sobre os temas arquitetura, teatro e cultura.

 _________________________________________________________

FIRST INTERNATIONAL CONFERENCE ON ARCHITECTURE THEATRE AND CULTURE - 25 a 27/08/2010

Ver -  CONFERÊNCIAS E PALESTRAS

Com especialistas renomados do Brasil e do exterior, a Unirio sediou a primeira edição do Colóquio Internacional de Arquitetura, Teatro e Cultura. O evento organizado e coordenado pela Profa Evelyn F. W. Lima, aconteceu no Centro de Ciências Humanas. O debate não ficou restrito ao mundo acadêmico, já que o público pode assistir a palestras com profissionais como a crítica teatral Barbara Heliodora, o dramaturgo Moacir Chaves e os cenógrafos Helio Eichbauer e Ronald Teixeira, entre outros. Durante o evento, foram lançados o vídeo "A Vida é Dança no Cenário Carioca", de Maria Inês Galvão; e o livro "Arquitetura e Teatro: o edifício teatral de Andrea Palladio a Christian de Portzamparc", de Evelyn Lima e Ricardo Brügger.

A programação contou com três conferências internacionais, uma por dia, com os professores Wolfgang Bock (Bauhaus Universität Weimar), José Simões (Universidade de Coimbra) e Leslie Damasceno (Duke University); mesas-redondas sobre os temas "Arquitetura e Teatro", "Espaço e Teatro", "A Cidade como Palco", "Cultura e Teatro", além de comunicações de pós-graduandos sobre o tema "O Palco Clássico". Fechando o Colóquio, a montagem da peça "Sonhos de Uma Noite de Verão", de Shakespeare, dirigida por Leonardo Hinckel.

O 1º Colóquio Internacional de Arquitetura, Teatro e Cultura discutiu as diversas dimensões das ideias nestas três áreas de estudo, tanto quanto à natureza conceitual, metodológica e projetual, quanto em suas implicações para as políticas de investigação acadêmicas e práticas. O encontro reuniu especialistas para debater e articular temas como arquitetura, espaço cênico, espaço urbano, dramaturgia, cena teatral, e formas de expressão populares da história, da literatura e da arte.

Fruto da colaboração entre o Grupo de Pesquisas do Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas (PPGAC) da UNIRIO; do grupo de pesquisa Centre de Recherches Interdisciplinaires sur Le Monde Lusophone (CRILUS), da Université Paris Ouest Nanterre; e do grupo de pesquisas Scenography International, da Cambridge University, o evento integrou o Projeto de Extensão coordenado pela Profa. Evelyn F. W. Lima e teve o apoio da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da Unirio, do CNPQ, da CAPES e da FAPERJ.

 

Palestra do cenógrafo Helio Eichbauer

 

Mesa Redonda "Espaço e Cidade"

 

Auditório Paulo Freire durante o colóquio

 

Palestra do diretor Moacir Chaves

_________________________________________________________

IV Seminário de Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana - 24/08/2009

O Seminário, realizado na Faculdade de Teatro da UNIRIO, reuniu pesquisadores de diversas universidades (UNIRIO, UFOP, UFV, UENG, Estácio de Sá), mestrandos e doutorandos do PPGT UNIRIO, bolsistas e graduandos. As temáticas giraram em torno dos temas relacionados a teatro e espaço urbano, em suas inúmeras interfaces, como cenografia, dramaturgia, corpo & espaço, memória urbana e social.
O seminário foi aberto com uma palestra do diretor da escola de teatro, Prof. Angel Palomero, que falou sobre história e atualidade do método de criação coletiva, destacando a importância da memória dos atores neste processo e exemplificando com uma experiência realizada por um grupo de atores da UNIRIO. Após, apresentaram-se a coordenadora do PPGAC, Profa Lídia Kosovski, que expôs sobre o acervo do cenógrafo Luiz Carlos Ripper, recentemente transferido para a UNIRIO e em fase de organização pelo seu grupo de pesquisas. O Prof Walder Virgulino, chefe do departamento de Teoria Teatral, apresentou sua experiência de trabalho em Perpignan, na França, e a invenção do espaço cênico para uma criação coletiva transnacional sobre “A Vida É Sonho”, de Calderón de la Barca. Fechando a mesa, a Profa. Evelyn Furquim, coordenadora do Laboratório e mediadora das demais mesas do seminário, expôs sobre os processos e técnicas de construção teatral de Lina Bo Bardi.
A mesa seguinte foi dedicada à obra desta arquiteta italiana, radicada no Brasil, e procurou mostrar como, em diversas áreas artísticas, Lina foi fundamental na fundação do modernismo brasileiro. As bolsistas Danielly Ramos e Regilan Deusamar investigaram sua atuação junto ao teatro em áreas tão distintas quanto a indumentária e a arquitetura teatral. Enquanto Danielly investigou seus projetos de indumentária, salientando a forma como a artista transformava o corpo em vestimenta através dos vazios, Regilan analisou a arquitetura teatral do SESC-Pompéia e a reforma do Teatro Politheama, em Jundiaí.
Na mesa seguinte, dedicada à cenografia, tivemos um belo panorama da cenografia brasileira, passando pela direção de arte cinematográfica de Luís Carlos Ripper, sempre atento ao espaço urbano, apresentada por Elizabeth Jacob, e de Lina Bo Bardi, apresentada por Cássia Maria Monteiro, e pelas cenografias teatrais de dois grandes ícones nacionais: Tomás Santa Rosa, apresentado por Niuxa Drago, e Hélio Eichbauer, por Maria Odette Monteiro. A mesa foi fechada com a comunicação de Jaqueline Rodrigues, que lançou questões atuais sobre o espaço cênico ao analisar a experiência virtual e binacional “What’s Wrong with the Word” à luz da teoria de Lehman sobre o teatro pós-dramático.
Uma bela homenagem à coreógrafa recém falecida Pina Baush deu início à quarta mesa.. A Prof. Solange Caldeira apresentou o vídeo do espetáculo Vollmond, de autoria da coreógrafa alemã, que fixava em movimentos o espírito e o espaço urbano das cidades onde realizava residências. Na seqüência, o teatro popular ganhou a cena nas comunicações de Ana Carolina Paiva, sobre o espaço urbano na palavra dramática de Joaquim Cardoso; de Anna Esteves, sobre o espetáculo Maria Lira, de João das Neves, e sua instalação no sítio de fundação da cidade de São Paulo; e de Bárbara Tavares, que falou sobre a filmagem da minissérie baseada no romance de Ariano Suassuna A Pedra do Reino, analisando a relação da produção com a pequena cidade de Taperoá. Fechando a mesa, Ramon Aguiar fez uma comunicação que sintetiza as pesquisas do laboratório, analisando a importância fundamental do elemento espacial em quaisquer aspectos relacionados às artes cênicas.
Na última mesa do dia, Cláudio Guillarducci analisou o papel do teatro de revista na constituição da memória urbana. Maria Inês Galvão discorreu sobre evoluções e tradições na dança de salão nos espaços do Rio de Janeiro, e Carmem Valdéz indicou possibilidades de uma pesquisa sobre a recepção do evento teatral em diversas conformações espaciais. A mesa foi fechada por Alexandre Lambert que, estimulado por vários dos trabalhos desenvolvidos pelo laboratório, pesquisa a relação entre corpo, espaço e cidade, buscando entender a perda da relação do indivíduo com o próprio corpo, substituído por personagens sociais cada vez mais fluidos.
No fechamento do evento, foram lançados os anais do evento, o site e o banco de imagens do Laboratório de Estudos do Espaço Teatral e Memória Urbana e o livro de Solange Caldeira “O Lamento da Imperatriz: a linguagem em trânsito e o espaço urbano em Pina Bausch”.

 _________________________________________________________

Conferência do Prof. Roger Chartier - 20/06/2008

O historiador e escritor Roger Chartier esteve na UNIRIO a convite do Laboratório de Estudos do Lugar Teatral para a conferência “Cardenio y Don Quijote. Entre páginas y escenarios”, sobre a história do teatro nos séculos XVI e XVII. O professor Chartier, hoje um dos mais renomados especialistas da História Cultural, debruça-se sobre a história das publicações na Europa e, nesta conferência, falou sobre as relações entre a encenação e a publicação, abordando sua pesquisa sobre uma peça perdida de Shakespeare recentemente descoberta.A Conferência compôs a VI SEMANA DE INTEGRAÇÂO ACADÊMICA e lotou o auditório Villa Lobos do Centro de Letras e Artes da UNIRIO.

 _________________________________________________________

Mesa Redonda Cidade e Teatro - 28/04/2008

A mesa redonda, por ocasião do lançamento do livro “Espaço e Teatro: do edifício teatral à cidade como palco”, organizado pela Prof. Evelyn Furquim Werneck Lima, aconteceu no Fórum de Ciências e Cultura da UFRJ. A mesa contou com a participação da Profa. Beatriz Resende, do Prof. Alberto Tibaji e do dramaturgo do Grupo teatral Nós do Morro, Paulo Tatata.

 _________________________________________________________

Conferência da Profa. Idelette Muzart - 20/08/2007

A Conferência organizada pelo Laboratório trouxe ao Brasil a Profa. da Université de Paris X – Naterre, com a qual a UNIRIO mantém um importante intercâmbio. Pesquisadora da Linha de Cultura popular e interessada pela dramaturgia brasileira, a Profa Idelette apresentou a Conferência “Ariano Suassuna entre tragédia e comédia: percurso de um dramaturgo”, na Aula Magna do 2º semestre da Pós Graduação em Artes Cênicas, no auditório da Escola de Teatro.


« Outubro 2018 »
Outubro
DoSeTeQuQuSeSa
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031
Apoio Institucional