error while rendering plone.header
Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Colação de Grau Biomedicina 2018.1

Colação de Grau Biomedicina 2018.1

Na última quarta-feira, 22 de agosto, o Anfiteatro Geral do Instituto Biomédico foi palco da colação de grau dos formandos do primeiro semestre de 2018 do curso de Biomedicina.  A cerimônia contou com a presença do Diretor do IB, Prof. Marcello Sampaio; a Coordenadora do curso de Biomedicina, Profª Patricia Cristina dos Santos; a Patronesse da turma, Profª Patricia Ocampo; o Paraninfo da turma, Prof. Guilherme Rapozeiro França; o Delegado Titular do Conselho Regional de Biomedicina,  Dr. Daniel Pereira Reynaldo  e  representando Magnífico Reitor Prof. Dr. Luiz Pedro Jutuca, esteve o Prof. Angelo Telesforo Malaquias, além dos 11 formandos acompanhados de seus pais e convidados.

O Prof. Angelo, como presidente da mesa, abriu a sessão reproduzindo as felicitações e o carinho enviado pelo Reitor da UNIRIO, disse ainda que sentia um imenso prazer em representar o Prof. Jutuca.

Após a abertura da cerimônia, o apresentador convocou o orador da turma, o aluno Samuel Ferreira, a proferir suas palavras, o mesmo falou sobre a importância de completar mais essa fase da vida em uma instituição que preza pelos valores morais e éticos e o trato à vida humana, principalmente em decorrência da constante corrupção no cenário político atual do país. Encerrou sua fala desejando sorte, sucesso e gratidão por tudo que viveu no IB.

Em seguida foi declamado o Juramento do Biomédico e realizada a Imposição de Grau, feitos pela Prof.ª Patricia e pelo Prof. Marcello, respectivamente. Dando continuidade a cerimônia foi a vez da  Prof.ª Ocampo proferir seu discurso, ela se emocionou ao falar do progresso e evolução tanto pessoal, quanto profissional de cada um de seus, agora, ex-alunos e revelou se sentir profundamente honrada em estar ali como Patronesse da turma.

Já o Prof. Guilherme, iniciou sua fala contando que através do exemplo de sua mãe, que também foi professora, aprendeu sobre o poder transformador da educação e, por isso, sempre buscou a docência em sua carreira profissional, logo, ser o Patrono dos formandos tem um significado muito importante na sua vida. Expressou também o quão gratificante foi receber essa homenagem e se sentiu muito emocionado por ter sido escolhido para dar o último conselho àquela turma. E seguiu discorrendo sobre o complexo processo de adaptação que os recém formados passarão ao serem inseridos no mercado de trabalho, mas que eles devem sempre acreditar no poder da ciência e do conhecimento desenvolvido durante a graduação e que deveriam sempre manter a mente aberta, pois o campo da ciência está em constante evolução.

Falou ainda que a teoria e prática são duas faces de uma mesma moeda e, portanto, é necessário se debruçar nos livros para enfrentar os desafios da vida, pois tirar a prática da teoria não é uma tarefa fácil, porém é muito recompensador. Por fim, disse: "Trilhem seus caminho. Experimentem, acertem e errem! Vivenciar é sempre melhor que somente saber. Chegar ao cume da montanha é uma vitória, mas o que fica de aprendizado são os percalços passados para se chegar até lá. Façam o bem e sejam honestos. As portas dessa casa estarão sempre abertas para dividirmos alegrias e anseios."

Logo após, foi dada a palavra ao Diretor do Instituto, Prof. Marcello Sampaio, que agradeceu pelo privilégio de poder participar do fechamento de um ciclo tão valoroso na vida acadêmica dos ali presentes. Parabenizou os formandos pela conquista e pelo discurso proferido pelo orador, que fugiu do comum ao ressaltar a importância da honestidade e do trato à vida e às pessoas. Pois ciência é vida e isso evidencia que aqueles jovens biomédicos são pessoas idôneas e isso é mais relevante do que qualquer C.R. ou diploma.

Prosseguiu dizendo: "O discurso do Samuel falou sobre corrupção política, mas a corrupção está também em outros ambientes, inclusive dentro da Universidade, local que deveria ser um reduto de ética e moral, mas muitas vezes fazer o certo é sinônimo de constrangimento, ser ético é ser tolo. Mas a honestidade não está 100% perdida enquanto houver aqueles que fazem o certo. Não corrompam suas consciências, sigam o caminho correto." Finalizou aconselhando os graduandos a sempre se manterem próximos aos amigos fieis e seus familiares e completou: "A não vitória imediata só pode ser considerada derrota quando há desistência. Façam a diferença."

Posteriormente o Dr. Daniel Reynaldo foi convidado a dar as suas felicitações aos formandos. Ele começou falando sobre a sua satisfação em retornar ao Instituto responsável pela sua formação em Biomédico e ainda contou que o Prof. Marcello foi um de seus professores na época. Comentou também sobre a importância de não deixarem de cultuar o lado humano ao longo de suas carreiras e concluiu citando o longa metragem do Homem Aranha, ao dizer: "Com grandes poderes vem grandes responsabilidades.' Vocês não os responsáveis pela transformação da nossa sociedade."

Por fim, o Prof. Angelo já anteviu que aqueles que estavam ali se formando juntos, certamente seguirão rumos diferentes ao longo de suas jornadas, mas que independente do caminho escolhido, eles deveriam sempre preservar a visão humanística da ciência. Logo após citou Angela Davis ao dizer: “Numa sociedade racista não basta não ser racista. É necessário ser antirracista” e continuou esclarecendo que esse pensamento se estende a todos os tipos de preconceitos, seja com a cor da pele, com o sexo, com a orientação sexual, posição social ou origem, devemos todos nos despedir de qualquer tipo de discriminação. E encerrou a cerimônia dizendo: "Não reproduzam comportamentos preconceituosos, tenham consciência e sejam anti-preconceitos. Nossa sociedade passa por um momento de mudança e é primordial a consciência do protagonismo individual. Acredito profundamente que todos aqui contribuirão para o desenvolvimento nesse sentido. Muito sucesso à vocês!" 

A Direção do IB parabeniza seus formandos e os estima muito sucesso em sua carreira profissional.