Você está aqui: Página Inicial / Maio de 2016 – Ano II – Nº 013

Maio de 2016 – Ano II – Nº 013

Informativo Mensal – Maio de 2016 – Ano II – Nº 013

 

PROGEPE informa sobre Termo de Devolução de Documentação

 

A Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas orienta que os processos administrativos deverão ter suas folhas numeradas, rubricadas e devidamente inseridas antes da tramitação entre os setores, de acordo com a Portaria Normativa n° 05/SLTI/MP, de 19 de dezembro de 2002.

Os processos sem as folhas numeradas deverão ser devolvidos ao setor imediatamente anterior, utilizando o Termo de Devolução de Documentação, em anexo, que traz itens como: ausência de carimbo de numeração de folhas que identifica o órgão; ausência de numeração de folhas; ausência de rubrica na numeração de folhas; ausência de documento de encaminhamento-despacho, memorando e demais documentações; ausência do carimbo “EM BRANCO” em páginas e espaços que não contêm informações; numeração de folhas com rasura; documentação cujo destinatário/unidade não nos pertence; os autos não deverão exceder a 200 folhas em cada volume e outros.

A Portaria Normativa n° 05/SLTI/MP dispõe sobre os procedimentos gerais para utilização dos serviços de protocolo, no âmbito da Administração Pública Federal, para os órgãos e entidades integrantes do Sistema de Serviços Gerais—SISG.

 


 

 

   Projeto “Unirio de Braços Abertos” recebe novos servidores

 

No dia 18 de abril, o Setor de Formação Permanente (SFP), da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (PROGEPE) recebeu através do Projeto “Unirio de Braços Abertos” 7 novos servidores, sendo 1 Técnico em Assuntos Educacionais; 1 Técnico de Radiologia; 2 Analistas de Sistema da Informação; 2 Técnicos de Laboratório e 1 Auxiliar em Administração.  O evento de ambientação realizado na Sala de Atendimento da PROGEPE teve início com as orientações da Seção de Cadastro e Registros de Pessoal (SCRP) e assinatura do termo de posse. Além da Seção de Cadastro, participaram também dando informações aos novos servidores a Divisão de Administração de Benefícios (DAB), o Setor de Formação Permanente (SFP), o Setor de Perícia em Saúde (SPS), o Setor de Atenção à Saúde do Trabalhador (SAST), o Setor de Acompanhamento e Análise do Processo de Trabalho (SAAPT) e o Setor de Provimentos e Movimentação Funcional (SPMF). O Pró-Reitor de Gestão de Pessoas, Carlos Guilhon e a Diretora de Desenvolvimento de Pessoas, Mônica Vetromille recepcionaram e explicaram o funcionamento da Universidade aos novos servidores.

 

 

                                              Mônica Vetromille, Diretora de Desenvolvimento de Pessoas, orientando os novos servidores




 

SAST e SPS realizam evento sobre Hipertensão

  

O Setor de Atenção à Saúde do Trabalhador (SAST) e o Setor de Perícia em Saúde (SPS) promoveram no dia 28 de abril a ação de combate e prevenção da Hipertensão Arterial Sistêmica, na Sala da Gestão de Relacionamentos, localizada na Unidade da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (PROGEPE), no Centro.

 

 

                                                                   Servidores e reintegrados participam da ação sobre Hipertensão

 

Servidores, terceirizados e reintegrados da PROGEPE, além dos funcionários do Edifício Delamare tiveram a pressão arterial aferida e receberam orientações da enfermeira Érika Alves e da médica do trabalho Dra. Alina Lage, que fazem parte da equipe do SPS (Setor de Perícia em Saúde). Os psicólogos Francisco Mesquita e Viviane Abdalla, do SAST (Setor de Atenção à Saúde do Trabalhador) participaram fazendo a divulgação do material informativo sobre o tema.

 

       

                                      Fonte: Instituto de Nutrição Annes Dias

 


 


PROGEPE realizará o evento “Conversando com o Reitor: Reintegrados”

  

A Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (PROGEPE) convida os servidores reintegrados da Unirio para um encontro com o Reitor da Universidade, Prof. Dr. Luiz Pedro San Gil Jutuca. A segunda edição do evento “Conversando com o Reitor: Reintegrados” será realizado no dia 2 de junho, quinta-feira, das 8h30min às 13h, no Auditório da Federação Brasileira de Hospitais (FBH), localizado na Rua dos Andradas n° 96, 13° andar, Centro. 

Além do Reitor da Unirio, Prof. Dr. Luiz Pedro San Gil Jutuca participarão da reunião, o Pró-Reitor de Gestão de Pessoas, Carlos Guilhon; a Diretora de Desenvolvimento de Pessoas, Mônica Vetromille; a Chefe da Divisão de Acompanhamento Funcional e Formação Permanente (DAFFP), Alessandra Fortuna; o Diretor do Hospital Universitário Gafreé e Guinle (HUGG), Dr. Fernando Ferry; o Chefe da Divisão de Pessoal do Hospital Universitário Gafreé e Guinle (HUGG), Eduardo de Souza Duarte; os representantes dos Reintegrados (Grupo RJU-JÁ) e demais presentes escolhidos para terem assento à mesa. Durante o evento será oferecida medalha-símbolo de Honra ao Mérito aos homenageados.

 

PROGRAMAÇÃO


 

                        Medalha-símbolo de Honra ao Mérito

 


 

 

SFP divulga curso de Gestão e Classificação de Documentos

 

No período de 2 de maio a 9 de junho, o Setor de Formação Permanente (SFP), da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas promove o curso interno de capacitação em Gestão e Classificação de Documentos. O curso ministrado pelas arquivistas Fabiana Patueli e Priscila Freitas tem como objetivo capacitar os servidores da UNIRIO no tratamento arquivístico dos documentos produzidos na Universidade, visando à simplificação, à racionalização e também à preservação dos documentos da instituição. Foram oferecidas 30 vagas.

O curso é destinado aos servidores técnico-administrativos, docentes, terceirizados e reintegrados e conta com 10 encontros, às segundas e quintas-feiras, das 9h às 13h, com carga horária de 40h. As aulas acontecem no Laboratório de Multimídia da Biblioteca Central na Avenida Pasteur, 436 – Urca. Esta capacitação está prevista no Plano Anual de Capacitação (PAC) 2016.

Mais informações podem ser obtidas no Setor de Formação Permanente (SFP) através do  telefone (21) 2542-4105 ou pelo e-mail progepe.sfp@unirio.br.

 


 

 

Segundo módulo do Curso Aplicação de Metodologias Participativas começa em maio

  

Os alunos que concluíram o primeiro módulo do Curso de Fundamentos em Metodologias Participativas  poderão participar da segunda etapa em maio, que consiste na Aplicação das Metodologias Participativas. As aulas ministradas pelo Professor Antonio Rodrigues de Andrade, do Departamento de Ciências Sociais da UNIRIO, serão às terças-feiras, nos dias 17, 24 e 30 de maio das 9h às 12h, na Sala de Atendimento da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (PROGEPE). A carga horária total é de 9h. Os alunos selecionados foram os que obtiveram a frequência necessária para obter o certificado do Curso de Fundamentos em Metodologias Participativas.

O Setor de Formação Permanente (SFP) informa que no segundo semestre de 2016 serão abertas as inscrições para o primeiro módulo do Curso de Fundamentos em Metodologias Participativas. O curso tem como objetivo capacitar o participante para a aplicação de metodologias participativas no desenvolvimento de suas atividades e projetos na sua área de atuação, através de estudos de caso e aulas práticas. A PROGEPE fica localizada na Av. Presidente Vargas n° 446, 20° andar—Centro.

Mais informações podem ser obtidas no Setor de Formação Permanente (SFP) através do e-mail progepe.sfp@unirio.br.

  


 


 

Dia mundial da Higienização das Mãos é comemorado em Maio

  

Em 2007, a OMS (Organização Mundial de Saúde) escolheu o dia 5 de maio como o Dia Mundial de Higienização das Mãos, com o tema “Salve Vidas: Higienize as mãos”.  Em todo o mundo a data é marcada por ações, promovidas pelos serviços de saúde, que reforcem a higiene das mãos como medida primordial para a prevenção e controle das Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde (IRAS).  Em comemoração, a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH),  do Hospital Universitário Gaffrée e Guinle (HUGG) preparou uma série de eventos.

A CCIH/HUGG, promoverá durante o mês de maio, atividades relativas ao tema, através de aulas práticas nos CTIs, Enfermarias, Centros Cirúrgicos, Hemodiálise, Ambulatórios, Central de Material, Laboratórios e outros locais com demonstração da técnica correta de higienização das mãos, envolvendo os profissionais de todas as áreas do hospital, sensibilizando também, pacientes, acompanhantes e usuários do ambulatório. Além da distribuição de folderes com orientações e renovação dos cartazes coloridos da técnica de higienização das mãos próximos às pias dos setores.

No dia 5 de maio no período da manhã foram realizadas atividades no Refeitório, onde almoçam os residentes de todas as categorias profissionais e os acompanhantes dos pacientas internados. No horário da tarde foram realizadas atividades nas enfermarias.

O objetivo é a conscientização de profissionais de saúde, governantes, administradores hospitalares, pacientes, acompanhantes e população em geral, sobre a importância deste procedimento para a promoção da saúde. “Desta forma, pretendemos estimular a adesão dos profissionais à higienização das mãos, contribuindo para a melhoria da qualidade da assistência prestada em nossa Instituição”, segundo a Presidente da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), do Hospital Universitário Gaffrée e Guinle (HUGG), Enfermeira Carmem Fernandes Alves.

 

                                                                  Enfermeira Carmem (terceira à esquerda) durante a campanha

                                                                        e treinamento sobre Higienização das Mãos no HUGG

 

                                                        Fonte: Organização Mundial de Saúde (OMS)

  




 

 


 

 

 

Fonte: 4Work

 

Maio é o mês em que comemoramos o dia do trabalhador e como pensar em trabalhador sem falar no trabalho?! Não podemos esquecer a relação trabalho x trabalhador sendo assim, hoje vamos falar sobre o estresse e trabalho...

E afinal o que é estresse?

Ao ser submetido a uma situação que exige esforço de adaptação o organismo desenvolve um conjunto de reações que chamamos de estresse.

O que é estar estressado?

É um estado do organismo, após o esforço de adaptação, que pode produzir deformações na capacidade de resposta atingindo o comportamento mental e afetivo, o estado físico e o relacionamento com as pessoas.

Que adaptação é essa?

É um conjunto de modificações não especificas que ocorrem no organismo diante de uma situação de estresse que consiste em três fases: 1º - Alarme; 2º Resistência; 3º Exaustão. Não é necessário que desenvolva até o final para que haja o estresse, só nas situações mais graves é que se atinge a ultima fase, a de exaustão.

E o estresse e trabalho?!

O estresse associa-se de formas variadas a todos os tipos de trabalho, prejudicando não só a saúde, mas também o desempenho dos trabalhadores. Ele ocorre quando há um desencontro entre as condições de trabalho e os trabalhadores individuais, quando as exigências do trabalho não estão em equilíbrio com as capacidades, recursos ou necessidades do trabalhador.

 

 

 Fonte: slide player 


  

Importante:

A resposta ao estresse é ativada pelo organismo com o objetivo de mobilizar recursos que possibilitem às pessoas enfrentarem situações, as mais variadas, que são percebidas como difíceis e que exigem delas esforço. O estresse deve ser observado não só como uma reação do organismo, mas também como uma relação particular entre uma pessoa, seu ambiente e as circunstâncias as quais está submetida, que é avaliada pela pessoa como uma ameaça ou algo que exige dela mais que suas próprias habilidades ou recursos e que põe em perigo seu bem estar ou sobrevivência.

 

                                    Equipe Sast.

 

Mais informações podem ser obtidas no Setor de Atenção à Saúde do Trabalhador (SAST) através do e-mail: progepe.sast@unirio.br ou pelo telefone (21) 2263-6911.

 

 Fonte: healthy-workplaces

 


 

 

 


A coluna Nossa Gente tem como entrevistado do mês de Maio o Professor Adjunto da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), Antonio Rodrigues de Andrade. Antonio é Pós-Doutor em Ciência da Informação pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT)/Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UFRJ) e em Administração pela Universidade do Porto. Ingressou na Unirio em 14 de janeiro de 2009. Desenvolveu diversas funções na Universidade como Professor, Diretor da Escola de Administração e, atualmente, é Diretor de Extensão e Coordenador do Núcleo de Metodologias Participativas Regina Lugarinho.


 Professor Antonio Rodrigues de Andrade

 

Desenvolve a pesquisa “A relação universidade-empresa aplicada a formação do Administrador” e é integrante do Núcleo Docente Estruturante (NDE) dos Cursos de Arquivologia e Licenciatura em Ciências Sociais. Lecionou as disciplinas do Curso de Administração: Introdução a Administração, Gestão de Processos e Orientação de TCC; e, atualmente, no Curso de Arquivologia: Administração II, Gestão de Processos e Orientado de TCC. Atuou também, no Curso de Turismo onde ministrou as disciplinas de Administração II e Empreendedorismo.

Antes da Unirio foi professor na Fundação Getúlio Vargas (FGV), no Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais (IBMEC), na Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e na Universidade Estácio de Sá. Foi Diretor e atuou como consultor em várias empresas de consultoria até ter uma e tendo também, oportunidade de participar da Direção do IBCO (Instituto Brasileiro dos Consultores de Organização). Trabalhou em empresas como CAPEMI, Banco Nacional, na FININVEST e na Varig. Foi Vice-presidente do Conselho Regional de Administração do Rio de Janeiro, por dois mandatos, e Presidente do Conselho Deliberativo do Instituto de Administração do Rio de Janeiro.

Em março deste ano, em parceira com o Setor de Formação Permanente (SFP), da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (PROGEPE), o Professor Antonio ministrou o curso de Fundamentos em Metodologias Participativas para os servidores e funcionários da Unirio. Além disso, desenvolve o projeto de Metodologias Participativas que tem como objetivo contribuir com o planejamento e o processo decisório de forma participativa na UNIRIO e nas instituições sociais no Rio de Janeiro. Estão sendo desenvolvidos programas de capacitação de monitores para técnico-administrativos e professores interessados em atuar internamente na UNIRIO, com o objetivo orientar e assessorar as unidades administrativas. Para o próximo semestre está prevista a inclusão de conteúdos em disciplinas para que os discentes também possam participar atuando fora da UNIRIO e está previsto para julho a realização de curso de Gestão de Processos para servidores e funcionários da UNIRIO, mais uma vez em parceria com a PROGEPE e em conjunto a Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação (DTIC) da Unirio.


 

 Professor Antonio de Andrade durante aula prática do Curso Fundamentos em

Metodologias Participativas

 

 

O grupo familiar do Professor Antonio é composto pela esposa Monica, os cinco filhos André Luiz, Flavio, Ana Beatriz, Karine e Bruna e duas netas Maria Eduarda de 1 ano  e Lara que vai fazer 2 anos. Nas horas vagas gosta de ouvir música e ler.

Um momento marcante foi o ingresso na Unirio e a atuação no Projeto de Metodologias Participativas tem sido gratificante. “A Unirio tem uma grande importância por eu poder me dedicar ao que gosto”, mas nada supera o  nascimento das netas, finalizou o professor Antonio.